Saltar para:
This page in english Ajuda Autenticar-se
ESTB
Você está em: Início > TPD033

Instrumentação e Controlo

Código: TPD033     Sigla: IC

Áreas Científicas
Classificação Área Científica
OFICIAL Engenharia Química e Industrial

Ocorrência: 2020/2021 - 1S

Ativa? Sim
Unidade Responsável: Engenharia Química Industrial
Curso/CE Responsável: Licenciatura em Tecnologias do Petróleo

Ciclos de Estudo/Cursos

Sigla Nº de Estudantes Plano de Estudos Anos Curriculares Créditos UCN Créditos ECTS Horas de Contacto Horas Totais
TPD 17 Plano Estudos 2015 3 - 4,5 52,5 121,5

Docência - Responsabilidades

Docente Responsabilidade
Rui Manuel Marques Antunes Responsável

Docência - Horas

Ensino Teórico: 1,50
Ensino Teórico-Prático: 1,50
Tipo Docente Turmas Horas
Ensino Teórico Totais 1 1,50
Bruna Alexandra Canuto Rijo 1,50
Ensino Teórico-Prático Totais 1 1,50
Bruna Alexandra Canuto Rijo 1,50

Língua de trabalho

Português

Objetivos

Adquirir conhecimentos sobre instrumentação industrial através da compreensão dos diferentes elementos primários associados à conversão das grandezas. Em particular, adquirir a capacidade de os selecionar em função das aplicações.

Descrever o funcionamento dos principais constituintes de um instrumento de medida: transdutor, circuito condicionador de sinal, indicador/registador e fonte de alimentação.

Conhecer as características estáticas e dinâmicas de um instrumento de medida.

Saber manipular instrumentos de medida de grandezas físicas/químicas.

Compreender o funcionamento e as vantagens dos sistemas de controlo pneumático utilizados em processos industriais.

Descrever o funcionamento e conhecer elementos de controlo pneumático em contexto industrial.

Conhecer e caracterizar as três ações de um controlador Proporcional, Integral e Derivativo (PID). Saber sintonizar um controlador PID recorrendo às regras de Ziegler-Nichols.

Resultados de aprendizagem e competências

Não Aplicável

Modo de trabalho

Presencial

Programa

Introdução

Introdução aos processos industriais. Instrumento de medida. Cadeia de medida eléctrica. Sensores, atuadores e suas características. Unidades do Sistema Internacional (SI).

Instrumentação industrial

Posição e deformação: extensómetros.

Sensores de temperatura. International Temperature Scale.

Sensores de pressão: manómetro de coluna líquida, de Bourdon, de diafragma, de diferencial capacitivo; pressostatos. Calibração.

Sensores de nível: noções de hidrostática; tubo de visualização; reservatório com flutuador; dispositivos de deslocamento variável; nível por pressão hidrostática; sensores por condutividade e capacitivos.

Sensores de caudal: definição de caudal volumétrico e mássico; fundamentos de hidrodinâmica; descarregadores; caudalímetros eletromagnético, por força de arrastamento e baseado na variação de pressão.

Sensores de pH.

Controladores PID pneumáticos Sistemas realimentados negativamente.

Instrumentação pneumática: Controladores P, PI, PD e PID.

Bibliografia Obrigatória

D. Johnson Curtis; Controlo de Processos - Tecnologia da Instrumentação, Fundação Calouste Gulbenkian

Bibliografia Complementar

Gustavo Silva; Instrumentação Industrial 2ª Edição, 2 volumes, edição ESTSetúbal, 2004.
Chilton Book Measurements ; Instruments Engineers Handbook, Vol I, Radner, Pennsylvania
George Asch; Les Capteurs en Instrumentation Industrielle, Dunod, 1991
J. W. Dally; W. F. Riley; K. G. Mc Connel ; Instrumentation for Engineering Measurements, Wiley, 1993
R. P. Benedict; Fundamentals of Temperature, Pressure and Flow Measurements, J. Wiley, 1983
Ernest Smith; Principles of Industrial Measurement for Control Applications, ISA, Instrument Society of America

Métodos de ensino e atividades de aprendizagem

Exposição teórica do conteúdo programático da unidade curricular. Resolução de problemas práticos.

Tipo de avaliação

Avaliação distribuída com exame final

Componentes de Avaliação

Designação Peso (%)
Teste 100,00
Total: 100,00

Componentes de Ocupação

Designação Tempo (Horas)
Frequência das aulas 52,50
Total: 52,50

Obtenção de frequência

Não aplicável

Fórmula de cálculo da classificação final

A avaliação é constituída por um exame (E) ou dois testes (T). Cada teste tem um peso de 50%.

A nota mínima em qualquer das componentes da avaliação é de 9,5 valores. Os estudantes que optem pela via dos testes não poderão realizar o exame de primeira época.

Recomendar Página Voltar ao Topo
Copyright 1996-2024 © Instituto Politécnico de Setúbal - Escola Superior de Tecnologia do Barreiro  I Termos e Condições  I Acessibilidade  I Índice A-Z
Página gerada em: 2024-07-21 às 05:37:43