Saltar para:
This page in english Ajuda Autenticar-se
ESTB
Você está em: Início > MEC043

Conservação e Reabilitação I

Código: MEC043     Sigla: CR I

Áreas Científicas
Classificação Área Científica
OFICIAL Construção

Ocorrência: 2020/2021 - 1S

Ativa? Sim
Página Web: http://https://moodle.ips.pt/2021/course/view.php?id=210
Unidade Responsável: Construção e Reabilitação
Curso/CE Responsável: Mestrado em Engenharia Civil

Ciclos de Estudo/Cursos

Sigla Nº de Estudantes Plano de Estudos Anos Curriculares Créditos UCN Créditos ECTS Horas de Contacto Horas Totais
MEC 13 Plano Estudos 2013 1 - 5,5 60 148,5

Docência - Responsabilidades

Docente Responsabilidade
Ana Maria Castanheira Aires Pereira da Silva Bártolo Responsável

Docência - Horas

Ensino Teórico-Prático: 2,50
Ensino Prático e Laboratorial: 0,50
E-Learning: 0,50
Tipo Docente Turmas Horas
Ensino Teórico-Prático Totais 1 2,50
Ana Maria Castanheira Aires Pereira da Silva Bártolo 2,50
Ensino Prático e Laboratorial Totais 1 0,50
Ana Maria Castanheira Aires Pereira da Silva Bártolo 0,50
E-Learning Totais 1 0,50
Ana Maria Castanheira Aires Pereira da Silva Bártolo 0,50

Língua de trabalho

Português

Objetivos

Pretende-se que os alunos adquiram conhecimentos no domínio da conservação e reabilitação de edifícios antigos (ou seja, anteriores ao advento do betão armado), que lhes permitam ser capazes de: identificar e descrever os materiais e processos construtivos das construções antigas, identificar as anomalias e enumerar as causas prováveis da degradação, descrever os diferentes mecanismos de deterioração, definir a metodologia de inspeção, ensaios e avaliação de uma estrutura antiga, estabelecer os objetivos de uma intervenção de reabilitação, selecionar as técnicas de reabilitação apropriadas e definir as propriedades dos produtos e sistemas a aplicar, tendo por base as exigências relativas à reabilitação habitacional, os princípios orientadores da reabilitação de construções antigas e as Cartas e Convenções Internacionais sobre Património.

Resultados de aprendizagem e competências

Os conhecimentos do património edificado, dos mecanismos de degradação dos edifícios, dos materiais e tecnologias de intervenção, revelam-se fundamentais para a prática de atos de engenharia relacionados com a manutenção e reabilitação de edifícios. Os conteúdos programáticos da unidade curricular permitem desenvolver as competências dos estudantes nas áreas consideradas fundamentais no âmbito da conservação e reabilitação de edifícios, nomeadamente conferindo-lhes os conhecimentos e técnicas necessárias para descrever e caracterizar os materiais e processos construtivos dos edifícios, definir os objetivos e metodologias das intervenções, selecionar técnicas de conservação e reabilitação apropriadas.

Modo de trabalho

Presencial

Programa

ap. 1. Introdução aos conceitos gerais. Fases de uma intervenção de reabilitação. Cartas e Convenções internacionais.
Cap. 2. Processos construtivos e materiais característicos das construções antigas. Evolução dos processos construtivos correntes.
Cap. 3. Caracterização de elementos construtivos de construções antigas.
Cap. 4. Principais anomalias em construções antigas. Cap. 5. Anomalias da madeira.
Cap. 6. Diagnostico da patologia.
Cap. 7. Melhoria das condições de habitabilidade e segurança.
Cap. 8. Análise de casos práticos de patologia construtiva em edifícios antigos.

Bibliografia Obrigatória

APPLETON, João; ;Reabilitação de edifícios antigos - Patologias e tecnologias de Intervenção;, , Edições Orion, 2003

Bibliografia Complementar

AGUIAR, José; CABRITA, Reis; APPLETON, João ; Guião de apoio à reabilitação de edifícios habitacionais. (2 vols). NS 78 , LNEC, 2011
Freitas, V.; et all ; Manual de Apoio ao Projeto de Reabilitação de Edifícios Antigos, Ordem dos Engenheiros da Região Nor, 2012, Ordem dos Engenheiros da Região Nor, 2012

Métodos de ensino e atividades de aprendizagem

As metodologias de ensino utilizadas baseiam-se no método expositivo, com recurso a meios audiovisuais para os conteúdos teóricos, complementado com a análise de casos práticos relacionados com a patologia construtiva, com as tecnologias, com o projeto e com a execução de obras de manutenção e reabilitação. Discussão de casos práticos. Será elaborado, pelo docente, um guião com orientações específicas para o desenvolvimento dos trabalhos práticos. Ao longo do semestre, estes serão acompanhados pelo docente no sentido de esclarecer dúvidas e fomentar a análise crítica, desenvolvendo assim a autonomia técnica. Realização de visitas de estudo a obras de conservação ou reabilitação. Promoção de seminários técnicos. Nas atividades de e-learning serão estimuladas a pesquisa, a análise e o comentário de temas relacionados com os conteúdos programáticos.

Tipo de avaliação

Avaliação distribuída com exame final

Componentes de Avaliação

Designação Peso (%)
Apresentação/discussão de um trabalho científico 20,00
Trabalho escrito 80,00
Total: 100,00

Componentes de Ocupação

Designação Tempo (Horas)
Estudo autónomo 96,00
Frequência das aulas 52,50
Total: 148,50

Obtenção de frequência

NA

Fórmula de cálculo da classificação final

Av. em período letivo:  +10% Trabalho 1+20% Aval. dist.+70% Trab. 2


1ª/ 2ª época: 100% Exame

Época Especial: 100% Exame

Exame Intercalar: 100% Exame

Observações

20% avaliação à distancia esta incuida  acimaem  Apresentação/discussão de um trabalho científico
Recomendar Página Voltar ao Topo
Copyright 1996-2024 © Instituto Politécnico de Setúbal - Escola Superior de Tecnologia do Barreiro  I Termos e Condições  I Acessibilidade  I Índice A-Z
Página gerada em: 2024-07-21 às 05:18:49